Sessão de Cinema.
Exibição do Filme "Selvagem"
Itinerância Santos Film Fest

 

Cinema Arte no Dique.jpeg

Sessão de cinema gratuita no Arte no Dique de premiado filme!

No dia 5 de novembro, 16h30, uma sexta-feira, acontecerá uma sessão gratuita do filme Selvagem (2021, 95 minutos), no Instituto Arte no Dique como parte da itinerância do Santos Film Fest, o mais importante festival de cinema do litoral paulista. .

A exibição do longa-metragem será seguida por bate-papo com o diretor Diego da Costa, o produtor Well Darwin e dos atores Julianna Gerais e Everson Anderson.

A entrada é gratuita, por ordem de chegada e o evento respeitará todas as normas relativas ao covid-19.

Serviço:

Itinerância Santos Film Fest – Sessão do filme Selvagem.

- Sexta-feira, 5 de novembro, 16h30.

- Instituto Arte no Dique – Rua Brigadeiro Faria Lima, 1349, Rádio Clube.

- Exibição seguida de bate-papo com o diretor diretor Diego da Costa, o produtor Well Darwin e da atriz Julianna Gerais.

- Entrada gratuita, por ordem de chegada.

- Capacidade: 50 lugares.

- Classificação indicativa: 10 anos.

Sobre o filme:

Destaque em festivais, o longa-metragem acompanha Sofia, cujo objetivo é passar no vestibular, achar um emprego e sair de casa. Porém, quando a escola onde estuda é ocupada pelos seus amigos e colegas de classe, ela se vê em um dilema entre continuar estudando sozinha ou compartilhar seu conhecimento na transformação da escola.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=VH8CqA_VhgM

Foi premiado com o Troféu Humanitário no 5º Santos Film Fest, figurou entre os 15 finalistas dos Brasil para o Oscar de Filme Internacional em 2022, além de ter recebido as seguintes premiações: 42º Festival Guarnicê de Cinema: Melhor Filme, Atriz, Atriz Coadjuvante, Ator Coadjuvante, Desenho de Som e Trilha Sonora Original; 14º Festival Latino-Americano de São Paulo: Melhor Filme do Público; XV Panorama Coisa de Cinema: Melhor Filme do Juri de Cachoeira; 3º Festival de Cinema de Jaraguá do Sul: Melhor Direção; 2º Palmacine: Menção: Honrosa (competitiva apenas para curtas); 2º Inhapim Film Festival: Melhor Maquiagem, Melhor Direção de Arte, Melhor Atriz coadjuvante, Melhor Roteiro, Melhor Fotografia, Melhor Produção e Melhor Filme; FESTCIMM 2021: Melhor Filme, Melhor Direção de Arte, Melhor Roteiro, Melhor Som; 2º Festival Saindo da Gaveta: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro, Melhor Ator, Melhor Atriz; Offcine 20: Melhor atriz coadjuvante - Lucelia Santos, Melhor Fotografia, Melhor Direção Melhor Produção, Melhor Filme.

Inspirado em fatos reais, Selvagem é um filme de amadurecimento que aborda uma tomada de consciência política da juventude. Mas, diferente da norma deste gênero cinematográfico, não apenas deste ou daquele personagem e sim, de toda uma coletividade. Em Selvagem, são as relações sociais das personagens que criam a ação dramática.

Com a preocupação de obter interpretações e situações naturalistas, foi realizada uma profunda pesquisa junto aos jovens que participaram das ocupações e que colaboraram com ideias que foram incorporadas à criação das personagens e do roteiro. Nesse processo, selecionamos alguns destes jovens para atuarem no filme.

Tendo em vista que grande parte do imaginário das manifestações populares atuais é constituído pelas câmeras de celulares, "Selvagem" opta por seguir o caminho inverso: uma câmera principal, movimentos e composições de cena com referências do cinema clássico, a partir de triangulações dentro do quadro na relação do elenco com a câmera.